Sobre mim

Meu nome é Iris, tenho 21 anos e sou autora dos livros Confissões on-line e Dividindo Mel. Sou estudante de Comunicação Social, trabalho com livros e adoro falar sobre música, literatura e comportamento.

Confissões on-line

Confissões on-line é meu segundo livro e será lançado em novembro de 2013. Saiba mais

Adicione no Skoob e Goodreads.

Agenda – 2014

Em 2014 farei eventos para lançar meu livro em várias cidades do Brasil. Os eventos abaixo já foram marcados, fique de olho para saber se sua cidade terá um evento.

22/03. Curitiba
Livrarias Curitiba - Shopping Palladium
Horário: 10h00 (Dez da manhã)

25/04. São Paulo
Saraiva - Paulista

10/05. Recife
Saraiva - Shopping Rio Mar

Quer um evento na sua cidade? Entre em contato com a @Generale_ED e peça evento na sua cidade!

Dividindo Mel

Dividindo Mel é meu primeiro livro e foi lançado em dezembro de 2011. Saiba mais.

Adicione no Skoob e Goodreads.

Instagram

Siga no instagram: @irisfigueiredo

Arquivos: 06/09/2011

Gossip girl: Eu sempre vou te amar – Cecily Von Ziegesar

Eu sei que muita gente odeia Gossip Girl, mas quem liga? Eu amo! Eu sempre vou amar, quase como o título diz. Apesar de ter curtido “Os Carlyle”, nunca será a mesma coisa que Blair, Nate e Serena. Por isso, Cecily escreveu uma última história com esse triângulo amoroso, dessa vez seguindo uma estrutura diferente dos livros anteriores. E eu adorei!
Esse livro não se passa em poucas semanas como os anteriores, mas em quatro anos. Ele mostra os personagens voltando à Nova York entre o período de Natal e Ano-Novo, desde o primeiro até o último ano da faculdade. Nesse curto espaço de tempo, temos uma perspectiva da vida dos personagens durante o ano letivo. O mais engraçado é como Nova York parece pequena para esse grupo, porque a vida de todo mundo se cruza em uma semana – e lógico que as coisas nunca dão certo, afinal, estamos falando dos nossos preferidos do Upper East Side.

Já sabemos que a única série que Cecily realmente põe a mão para escrever é a série principal de Gossip Girl. Nas outras, como “Os Carlyle” e “It Girl”, ela faz o argumento e o livro é escrito por uma outra escritora. Não sei se é assim em Cum Laude. Mas Eu Sempre Vou Te Amar é escrito pela própria Cecily e preciso dizer que é o melhor e mais maduro da série.
O toque de bizarrice está presente também nesse volume. A vida de todos os personagens é muito surreal, e é isso que eu mais gosto na série, porque apesar de tudo, você consegue encontrar identificação no meio de todas as esquisitices (eu sou igual a Blair e tenho dito!). Algumas decisões da autora me fizeram ficar: “mas o que é isso?” num primeiro instante, mas quando vi o desenrolar, gostei muito. Senti falta de mais comentários da Gossip Girl nesse livro, eu quase esquecia que ela existia. E além disso, estavam menos “ácidos” que o normal, então esse é um ponto negativo na trama.
Ouvir algumas reações dos personagens em relação à faculdade foi ótimo, pois essa era uma curiosidade que eu tinha a respeito deles. Foi bom ver que a autora respeitou a personalidade de cada um ao montar as suas histórias pós-escola, mas continuou fazendo os destinos deles se entrelaçarem e criar um amadurecimento para cada um. O que mais amadureceu é o Chuck! Vocês vão se surpreender. Ficou bem parecido com o da série em alguns aspectos (que é bem diferente dos livros, acreditem), mas acho que o desenvolvimento que a autora deu até chegar a esse ponto foi muito convincente! Acabou que, no final do livro, se tornou um dos meus preferidos.
Nate parece mais bobalhão. Perdeu todo o encanto que tinha para mim quando era mais nova – ele tenta, mas não consegue. Continua na mesma do Ensino Médio! E Serena está irritante como sempre… Certas coisas nunca mudam!
Gosto de como Gossip Girl é narrado em terceira pessoa, mas consegue captar os pensamentos dos personagens e adicionar comentários irônicos, como uma fofoca. Para quem leu a série toda, é leitura mais que obrigatória! Vocês vão amar, é sério.