Sobre mim

Meu nome é Iris, tenho 21 anos e sou autora dos livros Confissões on-line e Dividindo Mel. Sou estudante de Comunicação Social, trabalho com livros e adoro falar sobre música, literatura e comportamento.

Confissões on-line

Confissões on-line é meu segundo livro e será lançado em novembro de 2013. Saiba mais

Adicione no Skoob e Goodreads.

Agenda – 2014

Em 2014 farei eventos para lançar meu livro em várias cidades do Brasil. Os eventos abaixo já foram marcados, fique de olho para saber se sua cidade terá um evento.

22/03. Curitiba
Livrarias Curitiba - Shopping Palladium
Horário: 10h00 (Dez da manhã)

25/04. São Paulo
Saraiva - Paulista

10/05. Recife
Saraiva - Shopping Rio Mar

Quer um evento na sua cidade? Entre em contato com a @Generale_ED e peça evento na sua cidade!

Dividindo Mel

Dividindo Mel é meu primeiro livro e foi lançado em dezembro de 2011. Saiba mais.

Adicione no Skoob e Goodreads.

Instagram

Siga no instagram: @irisfigueiredo

Arquivos: 24/08/2011

Brilhos – Sophia Bennett

Brilhos é a sequência de Linhas e, assim como o primeiro volume, mantém a linha de moda e consciência social de um jeito leve e voltado para adolescentes.
É o lançamento oficial da primeira coleção de Crow para a Miss Teen e Nonie tem muito a administrar, inclusive um cara lindo. Já Jenny está se preparando para um novo papel em sua carreira, dessa vez nos palcos teatrais, e não consegue pensar em nada além disso. O blog de Edie está bombando e, como sempre, quer salvar o mundo. E talvez vá fazer isso dessa vez, já que parece que as roupas da Miss Teen tem sido produzidas com trabalho infantil na Índia.
Por via das dúvidas, elas vão até a Índia investigar o que está acontecendo e voltam cheias de histórias, realidades e muitas, muitas ideias e inspirações para muitas outras coleções.

Se eu amei o primeiro volume, gostei mais ainda desse. A história criada por Sophia consegue manter o mesmo ritmo e ideologia do primeiro livro, mas evolui junto com as personagens, como deve ser. Existem muitas passagens cômicas, em que eu ria de gargalhar – uma das melhores, para mim, é quando as meninas estão no trem a caminho do Taj Mahal.
Acho que Sophia é uma das poucas autoras juvenis que consegue aliar coisas banais e futilidades à assuntos mais sérios, nesse caso o trabalho infantil. Assim como Linhas, Brilhos tem um cunho social forte, mas sem soar chato ou uma “pregação” de valores. Sophia Bennett conseguiu aliar moda e responsabilidade social de uma forma delicada, leve e completamente encaixada na história.
Minha única reclamação é que algumas coisas parecem surreais demais para a idade das personagens, mas isso acaba contribuindo para o alívio cômico no livro. Ainda assim, é meio complicado imaginar meninas da idade das personagens em determinadas situações. Porém, o livro possui um mundo próprio  e glamouroso, em contraste com uma realidade mais cruel, e isso o torna um pouco mágico à sua maneira. É, realmente, como um conto de fadas – mesmo que tudo dê errado no caminho, dá certo no final.
A escrita de Sophia é ótima e melhora muito do primeiro volume para o segundo, ganhando mais fluidez. Essa série é algo único dentro de sua proposta, leitura obrigatória para quem gosta de moda e uma leitura divertida.